Aumente o apetite com chá de cravo de defunto

Por Katharyne Bezerra em Doenças, Plantas, Saúde

Originada no México, mas introduzida no Brasil há muito tempo, a cravo de defunto é o nome popular para a Tagetes patula, erva que pertence à família das Asteraceae. Nas folhas desta erva é possível encontrar vários efeitos positivos para a saúde humana e foram estes benefícios que fizeram do cravo de defunto um remédio natural.

Propriedades medicinais e indicações de cravo defunto

  • Analgésica;
  • Aperitiva;
  • Antiespasmódica;
  • Antirreumática;
  • Antitussígena;
  • Imunoestimulante;
  • Laxativa;
  • Purgativa;
  • Sudorífera;
  • Vermífuga.
aumente-o-apetite-com-cha-de-cravo-de-defunto

Foto: depositphotos

Cravo de defunto é capaz de melhorar o apetite ao mesmo tempo que elimina a possibilidade de prisão de ventre no paciente. Cura resfriados, tosses e bronquite, fortalecendo o sistema imunológico do corpo. A planta ainda pode tratar angina, cólicas uterinas, reumatismo, dores articulares , furúnculos, espasmos e dores lombares.

Como preparar e usar o chá desta planta?

Existem duas formas de usar esta planta como chá, são elas:

  • Infusão: Com uma colher (de sobremesa) de folhas secas e uma xícara de água fervente é possível preparar este chá que é um alívio para muitos problemas, inclusive cólicas menstruais. Após misturar os ingredientes, o líquido precisa ficar tampado por 10 minutos e depois do tempo determinado, coa-se. Em seguida, o paciente pode adicionar mel e ingerir a bebida uma vez ao dia;
  • Banho: Além de tratar problemas internos, o cravo de defunto também é um ótimo medicamento natural para eliminar enfermidades externas, como gota. Assim, é necessário preparar uma mistura com 3 colheres (de sopa) e um litro de água fervente. Depois que passar 10 minutos de infusão, o líquido estará pronto para receber as regiões do corpo que estão inflamadas. Após a imersão é recomendado deixar até 15 minutos.

Recomendações gerais

Cravo de defunto ainda não apresentou reações negativas ao entrar em contato com o organismo humano. Contudo, é importante frisar que no caso de grávidas, lactantes e crianças menores de 12 anos o uso desta planta é contraindicado, por ainda não haver resultados claros sobre a sua utilização em todos os casos citados anteriormente.

Outras recomendações feitas pelo Chá Benefícios levam em consideração a quantidade do chá ingerido por dia e o uso deste medicamento natural sem uma consulta prévia com um especialista no problema apresentado. Isto porque, mesmo se tratando de um elemento natural, se for tomado em excesso pode causar intoxicações graves no paciente. O outro ponto serve exatamente para evitar que pessoas fiquem intoxicadas ou se prejudiquem ainda mais com o uso indiscriminado do chá.