Benefícios e propriedades do chá de alho poró

Por Katharyne Bezerra em Vegetais

O famoso alho poró já foi um objeto de desejo nas cozinhas populares, uma vez que ele foi utilizado, por muito tempo, apenas pelos chefes ricos. Isto ocorreu porque ele era considerado um artigo relativamente caro, devido a sua raridade.

Porém, o que no passado era um desejo remoto, hoje virou um dos vegetais mais comuns nos temperos dos alimentos.

Com a popularidade, o alho poró ganhou outras atribuições. Agora, além de servir como complemento de pratos culinários, ele também pode ser utilizado no preparo de chá. Inclusive, este benefício é alcançando devido as grandes propriedades do vegetal, trazendo-lhe efeitos positivos para o funcionamento do organismo.

Benefícios e propriedades do chá de alho poró

Foto: depositphotos

Alho poró: componentes, propriedades e benefícios

Alimento rico em vitaminas A, C e do complexo B, o alho poró ainda conta com outros elementos nutricionais como ácido fólico e minerais a exemplo do magnésio, zinco, cálcio, potássio, ferro e fósforo. Todos estes componentes fazem deste vegetal um alimento com capacidades anti-inflamatória e fortalecedora do sistema imunológico.

Além disso, esta hortaliça tem efeito digestivo graças as fibras dietéticas presentes em sua composição. Desta maneira, o alho poró é utilizado na metabolização dos alimentos, nas funções digestivas e ainda no controle da saciedade, prolongando o sentimento de fome. Também pode agir como diurético e trabalha na prevenção de câncer nos ovários.

Outra grande função do vegetal é com relação a sua atuação no organismo de mulheres grávidas. Isto porque, ele possui baixo teor de gordura e vaso dilatador, facilitando assim o funcionamento da corrente sanguínea e prevenindo o surgimento de eclampsia.

O alho poró também pode ser utilizado no combate a má digestão, gripes, derrames, pressão alta e a evolução negativa dos quadros clínicos de pacientes diabéticos.

Como preparar o chá?

  • 3 talos de alho poró;
  • 1 litro de água;
  • Limão a gosto (opcional).

Coloque a água para ferver e quando o processo de ebulição estiver iniciado, acrescente o alho poró. Após o cozimento do vegetal, retire a mistura do fogo e coe a substância líquida.

Em seguida, acrescente o sumo do limão para melhorar o gosto. No caso das grávidas, este último item pode ser dispensado. A dica e consumir uma xícara de chá logo de manhã, ainda em jejum. E distribuir o restante durante o dia. Vale ressaltar que a sobra de um dia deve ser descartada.