Benefícios e receita do chá de aroeira

Quando falamos da aroeira, vem à mente a planta já bem conhecida no território brasileiro, mas o que nem todos sabem é que existem outros tipos de aroeira. Ela pertence à família Anacardiaceae, que é bem abrangente: possui entre 60 e 80 gêneros, com mais de 600 espécies conhecidas. A mais indicada para o consumo é a aroeira mansa, já que as outras (como as brancas ou bravas) causam efeitos semelhantes a urticária, edemas e eritemas! Portanto, é bom saber os tipos de aroeira mansa, as recomendadas: aroeira-do-campo, almecegueira, lentisco, rasteira, mole e outras.

Benefícios e receita do chá de aroeira

Foto da planta: Reprodução

Por ser uma planta medicinal, é natural que seja bastante consumida em chás. Nos lares brasileiros, muita gente já sabe dos benefícios dessa planta nativa e já aproveitam há muito tempo as mil utilidades da aroeira. Além disso, os benefícios da planta vão bem além daqueles já conhecidos e repassados de geração em geração.

Benefícios do chá de aroeira

As propriedades deste chá são: adstringente, balsâmico, cicatrizante, diurético, laxante, depurativo, afrodisíaco, tônico, antiespasmódico, emenagogo, antileucorreico, anti-inflamatório e bactericida. A partir dessas propriedades, seus benefícios comprovados até hoje são:

  • Indicado para casos de tratamento de reumatismo.
  • Faz a febre baixar.
  • Bom para casos de diarreia.
  • Auxilia no tratamento da gota.
  • Indicado para casos de leucorreia, ínguas e sífilis.
  • Bom para quem sofre de dores ciáticas.
  • Sua propriedade diurética auxilia quem tem problemas urinários.
  • Pode ser usado em inflamações diversas e em feridas.

Existem duas formas mais comuns de se utilizar o chá de aroeira. A primeira, é por infusão ou decocção, que ajuda em casos de doenças internas (como problemas urinários, diarreia, etc.) e a segunda é por compressas, que ajuda em casos de doenças externas (como feridas, infecções cutâneas e outras).

Receita do chá de aroeira

O preparo do chá de aroeira é bem fácil e rápido, em pouco tempo você usufruirá de seus benefícios. Confira:

Infusão

– Ferva um litro de água mineral

– Coloque 100g de folhas de aroeira na água

– Deixe descansar por até 5 minutos

– Tome de 3 a 4 colheres de sopa por dia. Ele pode ser consumido gelado.

Decocção

– Ferver um litro de água.

– Acrescentar 3 ou 4 pedaços da casca de aroeira.

– Guarde na geladeira e depois de frio, consuma ao longo do dia.

Banhos

– Cozinhar um litro de água.

– Adicionar 25g de cascas da planta.

– Com a mistura, tomar o banho mais quente que possa suportar, por 15 minutos.