Chá de cardo mariano contra o alcoolismo e doenças crônicas

Por Michelle Nogueira em Doenças, Plantas

O cardo mariano é uma planta originária da Ásia e da Europa, mas que depois foi introduzida na América do Norte e do Sul. É usada medicinalmente desde o século 4 a.C. Suas propriedades terapêuticas são mencionadas em referências históricas da Grécia Antiga, onde há escritos de Plínio, o velho (23 a 79 d.C.), contando sobre os efeitos positivos do suco dessa planta para “expelir a bile”. O sistema médico eclético (séculos 19 ao 20), utilizava o cardo mariano para tratar as varizes, congestão no fígado, dificuldades menstruais e problemas nos rins.

É um vegetal conhecido também como cardo-leiteiro, cardo-de-santa-maria, cardo-branco, cardo-de-nossa-senhora, serralha-de-folhas-pintadas e cardo-santo. Essa planta cresce de 1,5 a 3 metros, possui folhas verdes escuras, grandes e espinhosas. Se quebradas, uma seiva leitosa é liberada. As flores vermelho-púrpura também possuem bordas espinhosas. Possui propriedades antissépticas, anticolesterolêmica, anti-inflamatórias, aperientes, regenerativas, antioxidantes, digestivas, tônicas, hepatoprotetoras, depurativas, diuréticas, entre outras.

Silimarina

A silimarina é o principal  componente ativo do cardo mariano, responsável pelos efeitos benéficos ao fígado. Seu principal papel é reparar as células que estão danificadas graças ao excesso de substâncias tóxicas, provenientes de maus hábitos, como o consumo de álcool ou de drogas. Ela também protege novas células dos danos e reduz a inflamações.

Chá de cardo mariano contra o alcoolismo e doenças crônicas

Foto: Reprodução/ internet

 

Preparando o chá

Coloque uma colher de chá dos frutos secos de cardo mariano em meio litro de água e leve ao fogo. Deixe cozinhar por oito minutos e, em seguida, retire e espere amornar. Coe o chá e tome, em média, duas xícaras ao longo do dia. Esse líquido é bastante eficaz para a perda de gordura do fígado. O cardo mariano pode ser encontrado também para ser consumido através de pílulas.

Benefícios

É altamente indicado para pessoas que sofrem de alcoolismo, doenças crônicas, hepatite C, doenças do fígado e doença hepática crônica. Também é rico em antioxidantes, o que ajuda a prevenir o envelhecimento precoce e os radicais livres. Atletas que buscam uma melhora nas suas performances, ou que já tomam outros suplementos, como os energéticos ou termogênicos, podem usar o cardo mariano para tratar a tensão do fígado, uma vez que esses produtos deixam essa glândula  sobrecarregada. É recomendado seu uso em ciclos e acrescido de outros suplementos, para garantir a saúde e o bom funcionamento do organismo.

Contraindicações

O uso do cardo-leiteiro é contraindicado para crianças, pessoas que possuem problemas renais, úlceras, gastrite ou hipertensas. O uso das sementes só pode ser feita através de prescrição médica. A superdosagem pode acarretar queimaduras nas vias da mucosa digestiva, vômitos e diarreias. As folhas devem ser consumidas com muito cuidado, pois podem acumular muito nitrato, o que as torna tóxicas.