Chá de confrei – Benefícios e propriedades

Por Priscila Melo em Plantas

O confrei é uma planta que possui muitos benefícios medicinais, é uma ótima cicatrizante, analgésica e anti-inflamatória. Mas é preciso ter cuidado com o uso dessa planta, pois foi encontrada nela uma substância tóxica para o fígado, quando tomada internamente, podendo vir a causar hepatotoxicidade. Conheça um pouco mais sobre o confrei e como usá-lo corretamente.

Origem

O confrei, conhecido cientificamente como Symphytum officinale, é um arbusto perene que pertence à família das Borragináceas. Sua origem vem do centro e norte da Europa e da Ásia temperada, o confrei chegou ao Brasil no ano de 1980 e teve uma boa adaptação.

As suas raízes e folhas são vendidas como pomadas, óleos compostos, cremes, compressas e extratos de folhas para fins medicinais. Essa é uma planta de fácil cultivo, porém não consegue sobreviver longe da água.

Características

O confrei, também conhecido popularmente como capim-roxo-da-rússia, erva-de-cardeal. É uma planta perene, que se apresenta como uma pequena touceira, as suas folhas possuem um formato oval e saem praticamente ao nível do solo, são grandes na base da planta e diminuem de tamanho na parte superior. As suas flores são reunidas em ramalhetes mais ou menos folhosos e torcidos. Possuem uma cor amarelada, esbranquiçada ou violácea. Mesmo havendo as flores, não há produção de frutos e nem de sementes, isso acontece porque essa é uma herbácea híbrida.

Chá de confrei - Benefícios e propriedades

Foto: Reprodução

Propriedades e benefícios

Essa planta possui inúmeras propriedades e benefícios medicinais. É constituída de ácidos fólico, ascórbico, nicotínico, tânico, galo-tânico e pantatênico. Possui ainda as vitaminas A, B1, B2, B12, C, E e outros, como o amido, aminoácidos essenciais, carboidratos, caroteno, cálcio, ferro, fósforo, iodo, manganês, potássio, proteínas, zinco entre outros.

O confrei pode ser usado como: adstringente, antianêmico, antiasmático, anticancerígeno, antidiabético, antidiarreico, anti-inflamatório, antileucêmico, antirreumático, calmante, cicatrizante, depurativo, hidratante, laxante, regenerador celular e tônico.

É indicado para abscessos, afecções ósseas, bócio, bronquite, cefaleias, contusão, debilidade, deslocamentos, dores, cortes, febre, feridas, fissuras, fraturas, furúnculos, gastrite, hematomas, hemorragia pulmonar, hepatite, pele, pressão arterial, picadas de insetos, psoríase, queimaduras, resfriados, reumatismo, rins, sinusite, tosse entre outros.

O chá de confrei

O chá de confrei deve ser preparado com a planta inteira, mas só deve ser ingerido se for receitado por um médico. Para fazer o chá coloque 30 gramas de folhas de confrei em um litro de água, leve ao fogo, após levantar fervura retire do fogo e coe.

Ele pode ajudar a acelerar a cicatrização de feridas cutâneas pequenas, pois a raiz e folhas possuem um composto químico chamado ácido úrico que pode estimular o crescimento de novas células da pele.

Ajuda a reduzir o sangramento de feridas na pele e pode ajudar também a parar hemorragias nasais, pois suas folhas e raízes possuem taninos, que têm efeito adstringente sobre os vasos sanguíneos

Contraindicações e efeitos colaterais

É preciso ter muito cuidado com o uso do confrei, este deve ser usado apenas externamente, pois seu uso interno pode causar intoxicação no fígado, câncer e irritações gástricas. O uso interno deve ser feito apenas sob orientação médica. Mulheres grávidas ou pessoas que possuem câncer não devem utilizar essa planta.