Chá de erva doril – Benefícios e indicações

Por Lia Vieira em Plantas

A erva doril é conhecida também através de vários outros nomes populares dependendo da sua localidade, como, por exemplo: anador, melhoral, acónito-do-mato, caponga, cabeça-branca, carrapichinho, carrapichinho-do-mato, ervanço, infalível, nateira, penicilina, perpétua, perpétua-do-brasil, perpétua-do-mato, quebra-panela, sempre-viva e terramicina.

É pertencente à família Amaranthaceae e seu nome botânico é Achyranthes bettzickiana. Têm sua origem na América do Sul, e sua história de destaque se iniciou através dos caboclos, que utilizavam a erva de maneira medicinal, atribuindo nomes que descrevessem os seus efeitos.

Características

A planta pode alcançar mais de dois metros de comprimento, suas folhas são ovaladas de forma longa, em cores que variam do vermelho ao roxo. As folhas são verdes quando jovens e avermelhadas quando maduras. De textura lisa e membranácea. Suas flores são de cor branca e de tamanho pequeno. A parte utilizada para o chá de erva doril, é somente as folhas.

Chá de erva doril - Benefícios e indicações

Foto: Reprodução

Benefícios do chá de doril

O chá da erva de doril possui diversos benefícios a saúde humana:

Folhas: realizam reações analgésicas, depurativas, diuréticas e digestivas.

O chá funciona para eliminar dores de cabeça e enxaqueca, ajuda a limpar o organismo de impurezas (elimina toxinas). Possui efeito diurético, ideal para pessoas que buscam perder peso ou que estejam sob o efeito de algum tratamento que necessite urinar em muita quantidade. A erva doril também é ótima para ajudar nos efeitos da digestão, trabalhando em conjunto com o estômago, evitando efeitos de gases, queimação e até mesmo aquela sensação de que a comida não consegue ser digerida por completo. O chá é ideal para ser consumido após refeições pesadas, como, por exemplo, após uma feijoada. Suas folhas também são utilizadas como adstringente e antidiarreica.

Indicações

  • Bexiga;
  • Fígado;
  • Hemorroidas;
  • Dores de cabeça.

Receita chá de erva doril

  • 20 gramas de folhas de erva doril;
  • 1 litro de água fervente;
  • Mel a gosto.

Ferva a água com as 20 gramas de folhas de erva doril. A pós a fervura aguarde por cerca de 3 minutos, em seguida desligue o fogo. Deixe as folhas repousarem na água quente por alguns minutos, até que fiquem murchas e com aparência mais escura. Após isso, consuma o chá em temperatura morna e adoce com mel a gosto. Para o efeito medicinal surgir rapidamente, beba o chá de duas a três vezes ao dia.