Entre outros benefícios, chá de abrótano age como repelente

Por Débora Silva em Plantas

De nome científico artemisia abrotanum, o abrótano é uma planta medicinal originária da Europa meridional e da Ásia Maior, também conhecida por várias outras denominações, como aurônia, abrótega, alfacinha-do-rio, abrótica, artemisia e losna.

Pertencente à família das asteraceae, trata-se de uma planta aromática que apresenta flores amarelas e folhas de coloração verde-cinza, pequenas e estreitas. Devido ao seu forte odor de cânfora, o abrótano é amplamente cultivado por jardineiros. Além disto, esta planta costuma ser bastante utilizada no tratamento de problemas de estômago.

Curiosidades

A denominação Artemisia é uma homenagem à deusa grega Artemis, e as plantas pertencentes ao gênero, ao lado do absinto e da artemisia, contêm cânfora com forte odor e foi utilizada como um aromatizador durante muito tempo.

Entre outros benefícios, chá de abrótano age como repelente

Foto: Reprodução/ internet

Durante a antiguidade, os cidadãos romanos acreditavam que o abrótano tinha o poder de proteger os homens da impotência. Ainda reza a lenda que os jovens que viviam na Espanha e na Itália Medieval costumavam esfregar as folhas frescas de abrótano em seus rostos, a fim de favorecer o crescimento da barba. No entanto, hoje sabe-se que tudo isto não passa de mito.

Nas regiões rurais do mundo medieval, o abrótano era conhecido como “amor de jovem” e “seduzindo a moça”, ganhando a fama de aumentar a virilidade dos jovens e, por isso, foi utilizada em poções de amor.

Propriedades e benefícios do abrótano

As propriedades do abrótano incluem a sua ação estimulante, vermífuga, diurética, carminativa, reguladora do ciclo menstrual e tônica.

Devido às suas propriedades medicinais, esta planta pode ser usada para auxiliar no tratamento de dores de estômago, asma, má digestão, frieira, tuberculose, distúrbios menstruais, estomatite, enfermidades nervosas, dispneia e ascite.

Atualmente, o abrótano é pouco utilizado na medicina fitoterápica, no entanto, na Alemanha é usada em forma de cataplasmas, que são colocadas sobre feridas e outras condições da pele.

Quando aplicada diretamente na pele, a infusão das folhas desta planta funciona como um repelente natural de insetos.

Chá de abrótano: como preparar?

Para aproveitar os benefícios proporcionados pelo abrótano, pode-se preparar um chá com as suas folhas. Confira o procedimento a seguir:

Coloque duas colheres de café de folhas secas em uma xícara de água fervente. Deixe amornar, coe e beba.

Contraindicações e efeitos colaterais

Não foram encontradas contraindicações e efeitos colaterais relacionadas com o uso do chá de abrótano, mas lembre-se que os princípios ativos de uma planta podem causar reações adversas. Todo tratamento, inclusive o natural, só deve ser realizado sob prescrição médica.