Tonifique sua saúde com a infusão de sálvia

Por Katharyne Bezerra em Beleza, Doenças, Plantas

O nome “salvia officinalis” deriva do latim salvare, e quer dizer “ser salvo”. Essa planta possui diversas virtudes medicinais e fazem um bem enorme à saúde humana. Por conter óleo essencial, flavonoides, princípios amargos e taninos, a sálvia, como também é conhecida, é digestiva, antisséptica, aromática e uma aliada da beleza e da mulher.

Tratamentos feitos à base de sálvia

A sálvia é um ótimo agente no que se refere aos problemas intestinais, pois estimula a bílis, reduz o acúmulo de gases e acalma as terríveis cólicas abdominais. É também uma forte aliada para eliminar problemas nas vias respiratórias, pois são responsáveis por uma limpeza profundas desses canais, acabando com as tosses dos fumantes, gripes, resfriados e a coceira na garganta. Isso sem contar no seu poder contra aftas bucais e gengivite, doença caracterizada pela inflamação nas gengivas.

O tratamento feito com a erva auxilia as pessoas que sofrem com a ação do ácido úrico, as que possuem cálculo renal e até as que têm reumatismo. Diminuem inchaços, hemorragias e úlceras. Combate o surgimento de pedras nos rins, melhora a memória e afia os sentidos, bem como age no fortalecimento do sistema nervoso.

Tonifique sua saúde com a infusão de sálvia

Foto: Reprodução/ internet

A sálvia facilitando a vida das mulheres

Esta planta possui em sua composição uma substância chamada fitoestrógeno, que consegue exercer uma função semelhante ao estrogênio (hormônio feminino). Sendo assim, a sálvia tem a capacidade de de aliviar os sintomas típicos da menopausa que tanto incomodam as mulheres que estão nessa fase. Além disso, combate  envelhecimento e o surgimento de rugas, tonifica e dá brilho ao cabelo e ainda pode ser utilizada com sucesso no tratamento de peles oleosas.

As mulheres que também sofrem de ansiedade, nervosismo, preocupações e estresse contínuo podem contar com a sálvia para aliviar esses problemas. E o melhor, ajuda a regular as cólicas menstruais, controla a tensão pré-menstrual, a famosa TPM, e ainda evita hemorragias nesse período vivenciado por milhares de mulheres.

Como preparar a infusão da sálvia?

O chá feito com esta erva pode ser ingerido ou feito para fazer gargarejos. Além disso, ela pode ser usada ainda em forma de cataplasma em ferimentos provocados por picadas de insetos. Caso você deseje uma bebida eficiente para tratar e evitar doenças é necessário preparar um líquido através da mistura de duas colheres de folhas da planta e um litro de água. Deixe os ingredientes ferver, tampe-os e deixe abafado por aproximadamente 10 minutos. Depois, é só esperar esfriar e beber. O indicado é tomar duas vezes ao dia.

Se a intenção for fazer gargarejos e eliminar de vez a gengivite, repita o processo do chá e este será eficaz. Outra possibilidade é utilizar as folhas secas da sálvia diretamente na gengiva, esfregando a planta nas regiões inflamadas.

A única contraindicação é o uso oral do chá feito com a erva por mulheres grávidas ou em períodos de alimentação. E lembre-se sempre de procurar um médico, caso sua saúde não esteja normal. A opinião e avaliação do especialista é importante para identificar determinadas doenças.